24 maio 2010

AVISOS DO PASSADO

Para quem pensa que alguns dos problemas actuais não eram bem conhecidos há quase 20 anos, aqui fica uma citação do chamado Relatório Porter sobre as vantagens competitivas nacionais. O relatório foi escrito em 1994:

"Grande parte do crescimento de Portugal nos últimos anos deve-se aos investimentos da CE em infra-estruturas e a um forte crescimento do consumo. Mas as infra-estruturas já estão praticamente implementadas e o país não pode continuar a consumir a um nível que excede a sua criação de riqueza." (p. 15)

Como é óbvio, não só os nossos governantes não entenderam que as infra-estruturas principais já estavam feitas (bem pelo contrário), como a preocupação de estarmos a consumir acima das nossas possibilidades ficou adiada por quase 20 anos. Os resultados estão bem à vista.

1 comentário:

Vani disse...

O ser humano não consegue "pensar localmente e actual globalmente", muito menos aquele que integra a classe política ou que é movido pelo ganância...tudo o que for feito, será sempre para remediar os males já feitos, nunca para os impedir. Não é rentável, na perspectiva dos grandes que detêm (e retêm) a maioria da riqueza...